A Associação

ASSOCIAÇÃO DO AMIGO ANIMAL

ENTIDADE DE PROTEÇÃO ANIMAL SEM FINS LUCRATIVOS COM SEDE EM CURITIBA-PR

www.amigoanimal.org.br
amigoanimal@amigoanimal.org.br
facebook Cães AmigoAnimal
twitter @ongamigoanimal

HISTÓRICO DA ASSOCIAÇÃO E ATIVIDADES:

A Família Misga (Julia, Cecilia e Marcelo - atual presidente) começou o trabalho de proteção animal em 1995, quando Julia trabalhava como atendente em uma clínica veterinária, e se compadecia com a situação pela qual chegavam diversos animais, atropelados, maltratados, desnutridos, doentes, machucados e abandonados.

Sensibilizando-se com a situação, começou a recolhê-los em sua casa, a qual logo não comportou mais a quantidade de animais resgatados, tendo a Família que, em 1997, mudar-se para uma pequena chácara na região sul de Curitiba, proporcionando aos animais espaço e bem-estar.

Porém, quando as pessoas do bairro descobriram sua atitude, começaram a abandonar seus animais em locais próximos, bem como a trazê-los oferecendo ajuda em troca de que a Família abrigasse seu animal. Acreditando nas pessoas, sendo que muitas nunca mais voltaram, a Família foi abrigando cada vez mais animais, sempre se preocupando em primeira instância com o bem-estar dos mesmos.

Quando, no início de 1999, a situação financeira entrou em colapso, conseguiu em 12/04/99, através de colaboradores fiéis à causa, uma reportagem de capa no jornal Gazeta do Povo, de grande circulação no Paraná, a qual funcionou como uma forma de divulgação do trabalho e pedido de ajuda para a manutenção dos animais, que na época já passavam de 300, entre cães e gatos.

Muitas pessoas boas e adeptas à causa conheceram a Família através daquela reportagem, sendo que algumas continuam até hoje auxiliando os trabalhos e participando como voluntários e contribuintes da Amigo Animal. Porém, inúmeras pessoas também apareceram abandonando seus animais, os quais foram carinhosamente acolhidos, sendo que a superpopulação acabou obrigando a Família a mudar-se, no início do ano 2000, para a atual Chácara São Francisco de Assis, em Campo Magro, a 35km de Curitiba. Na mudança, foram transportados mais de 500 animais.

A Associação do Amigo Animal foi fundada em 07.07.2000, a partir da necessidade de dar sustentação material ao trabalho já desenvolvido pela Família Misga, e com o objetivo de buscar, através da criação de legislação específica ou de implementação da já vigente, melhores condições de vida para os animais que vivem nas cidades, vítimas do abandono ou maus tratos.

A Amigo Animal mantém o abrigo Chácara São Francisco de Assis (de propriedade da Família Misga) com mais de 2.000 animais, priorizando o trabalho com cães e auxiliando a manutenção de outros lares temporários de gatos.

Desde a sua criação, já são milhares os animais que passaram pelo abrigo, foram recuperados e encaminhados por adoção a novos lares responsáveis.

Todos os animais doados são vacinados, desverminados e esterilizados para evitar a procriação indesejada. Os animais doados são acompanhados com visitas periódicas pela Amigo Animal, para que se verifique a condição de vida que estão recebendo de seus novos donos.

A entidade também recebe denúncias e encaminha os denunciantes aos órgãos competentes para dar encaminhamento ao fato e resolução do mesmo.

Orçamento mensal: em torno de R$ 50.000,00 (cinquenta mil reais).

A receita da Amigo Animal é composta a partir de:

1. Doações de associados (pessoas que se associam através do preenchimento da ficha de cadastro do site).

2. Doações espontâneas de não associados, denominados colaboradores (pessoas anônimas que efetuam depósitos em nossas contas bancárias ou doam produtos utilizados no abrigo).

3. Encontros-Bingo mensais realizados com brindes doados pelos associados e colaboradores, e às vezes adquiridos com recursos da entidade, junto com a venda de diversos produtos da grife Amigo Animal, além de cantina com salgados vegetarianos e bolos, com renda 100% revertida para a manutenção do abrigo.

4. Parcerias com empresas que encaminham parte de seus lucros à entidade, ou pessoas que realizam voluntariamente eventos com reversão parcial ou total da renda à Amigo Animal.

5. Venda de camisetas, canecas, adesivos, aventais, chaveiros e outros produtos com a grife da Amigo Animal, com estampas de artistas criadas exclusivamente para a entidade, estimulando a proteção animal.

6. Comercialização de produtos doados por simpatizantes da causa.

7. Bazares de roupas e objetos usados (brechós), tendo aberto, em 07/2007, em parceria com um colaborador da associação, uma lojinha-bazar no Campo Comprido, a Loja das Pulgas.

8. Receitas advindas de eventos realizados por lojas de produtos para animais ou clínicas veterinárias e pela própria entidade em clubes, entidades associativas, restaurantes, etc.

9. Bilheterias de eventos artísticos e/ou culturais através de colaboradores.

A entidade realiza mensalmente, desde a data de sua fundação, um encontro mensal (bingo), onde são informadas as atividades da associação e arrecadados fundos para a entidade, através da doação de valores, rifas, sorteios, bazares, venda de produtos da grife, venda de lanche, etc.

Conta também a entidade com a doação de alimentos (ração, pães, carnes, etc.), com o serviço veterinário que visita o abrigo sempre que possível (normalmente utilizamos clínicas veterinárias de Curitiba, que cobram valores menores pela parceria), com colaboradores voluntários para as tarefas do abrigo, com o trabalho de diaristas, com o trabalho voluntário de Julia Misga e Cecília Misga nas tarefas diárias do abrigo e administração da Chácara São Francisco de Assis, onde se localiza o abrigo, na região metropolitana de Curitiba, e na sede administrativa no bairro Campo Comprido, em Curitiba. Como o trabalho voluntário é escasso para a realização das tarefas de limpeza cotidiana dos canis do abrigo, a Amigo Animal contratou mensalmente uma equipe remunerada de 3 a 4 funcionários na chácara, cuja folha de pagamento é paga com os recursos da entidade.

Todo o trabalho realizado pela Diretoria da Associação do Amigo Animal é voluntário, não recebendo seus membros nenhuma remuneração para o exercício de suas funções.

Todas estas tarefas são coordenadas pela diretoria da Associação do Amigo Animal, que deve buscar recursos para :

1. que os animais recebam alimentação e cuidados;

2. pagar os funcionários da chácara;

3. transportar os animais até a clínica veterinária que lhes dá o atendimento, e pagar os honorários dos veterinários;

4. manter em condições de funcionamento o abrigo (canis, cercas, portões, retirada dos dejetos, cortes de mato, desinfecção de áreas, segurança geral do espaço);

5. preparo e encaminhamento de animais para adoção (desverminação, vacinação, esterilização, atendimento veterinário para recuperação do animal, busca de proprietário responsável e adequado ao perfil do animal);

6. remoção de animais para a chácara para acolhimento temporário, com o objetivo de prepará-los para a adoção, no caso de animais atropelados, desnutridos, cadelas grávidas em fase de parto, etc., com os cuidados para não haver contaminação (quarentena, vacinação, etc.); não resgatamos filhotes, por não possuírem resistência às viroses existentes nos canis trazidas por cães resgatados doentes, e não temos estrutura para separação;

7. que todos os animais sejam esterilizados, de forma a não haver procriação entre os animais que habitam a chácara ou para encaminhamento para adoção, bem como auxiliar pessoas carentes que não possam arcar financeiramente com o procedimento.

Além das atividades específicas relacionadas ao abrigo, os membros da entidade participam de fórum e eventos que buscam o bem estar dos animais.

Assim, a Amigo Animal participa ativamente de:

1. reuniões com outras entidades, grupos de pessoas e empresas;

2. seminários ou eventos de várias naturezas;

3. reuniões com membros do poder legislativo e executivo;

4. sessões em Promotoria de Meio Ambiente;

5. reuniões de apoio a outras entidades em seus pleitos;

6. reuniões no Fórum de Proteção e Defesa Animal de Curitiba e Região, partilhando a coordenação dos trabalhos com outras entidades, e no COMUPA - Conselho Municipal de Proteção aos Animais de Curitiba, instalado pela Prefeitura de Curitiba;

7. programas desenvolvidos pela Secretaria Municipal de Saúde em programas de encaminhamento de adoção de animais.

A Associação do Amigo Animal goza de saúde financeira como conseqüência do bom gerenciamento que vem desenvolvendo, e tem seus registros financeiros abertos para acompanhamento daqueles que investem na entidade ou pretendem se envolver em uma causa verdadeira (veja resumo no link Prestação de Contas).

Busca constantemente espaços e oportunidades para divulgar a GUARDA RESPONSÁVEL, A DEFESA DE PROGRAMAS GRATUITOS DE ESTERILIZAÇÃO DE ANIMAIS, CRIANDO CONSCIÊNCIA QUANTO À NECESSIDADE DE PROTEGÊ-LOS CONTRA MAUS TRATOS E VIOLÊNCIAS, E ESTIMULANDO O DESENVOLVIMENTO DE UMA RELAÇÃO AMOROSA E DE RESPEITO ENTRE HUMANOS E NÃO HUMANOS.

Diretoria da Associação do Amigo Animal

 
 
 
 
     
  Vega I.T.  

VegaPix

 
Associação do Amigo Animal - Entidade Protetora sem fins lucrativos.